Uma hooligan rockstar

O amor não é o que você vê nos filmes.Não é aquele ecstasy,não é o que você naquela cena.Você me entende?Estou dizendo agora,verdadeiro amor é sacrifício.O amor é pensar nos outros antes de si mesmo.O amor é altruísta,não egoísta.O amor é Deus e Deus é amor! Amor é quando você cede a sua vida para outro,quer seja pro seu irmão,sua mãe,seu pai ou sua irmã.E ceder suas vidas até para seus inimigos.Isso é inimaginável,mas pense nisso... - Bruno Mars

homeaboutasktumblrarchiveLINK

"Olha aquele idiota ali! Que pessoa mais retardada, feia, estran…Ah, é um espelho!” 

esquema-no-cinema:

Posted on July/11/2012 with 12,859 notes
( Via | ) Reblog this

Quarto capítulo - Um sonho de homem … 

Depois da noite dos meus sonhos, acordei muito feliz, e olhei para o meu lado vi que Bruno não estava lá,comecei a gritar e ele falou:

- Calma princesa, fica ai no quarto eu já estou subindo. – Achei aquilo tão lindo.

E ele empurra a porta com uma bandeja enorme de café da manhã, com pães, manteiga, sucos, café, nutella e cereal. Bruno chegou colocou a bandeja no meio da cama e sentou do meu lado e deu aquele sorrisinho com covinhas e falou:

- Fiz só pra você, foi incrível a noite de ontem e eu quis fazer algo especial.

- Ah meu amor, você já é especial, ontem foi a melhor noite da minha vida, você é tão fofo, eu te amo tanto. – e dei um beijo na boca.

- Então aproveite seu café da manhã, vou lá em baixo fazer o meu.

-Não, nada disso. Pode vindo aqui tomar café comigo.

E ele ficou tomando café comigo e vendo televisão,rimos,falamos do trabalho, nos beijamos e ficamos bem juntinhos na cama, e depois Bruno olhou para o relógio:

- Ai meu Deus, estou atrasado pra passagem de som, amor tenho que ir, qualquer coisa é só me ligar, te amo.

- Ok meu anjo, vai lá, eu te amo muito. – e Bruno veio e cheirou o meu pescoço que eu me arrepiei todinha

Passei o dia inteiro lembrando aquele momento e fui trabalhar, arrumei tudo e fui fazer algumas entregas para o diretor e fui para casa até que recebi um torpedo do Bruno falando que queria me encontrar em um restaurante e passou o endereço, antes passei em casa e me arrumei toda, passei o perfume que ele amava e coloquei um vestido rosa e fui.

Quando Bruno me viu ficou de boca aberta e falou:

- A cada dia mais linda, assim você me deixa louco – e deu um sorriso.

- Obrigada meu anjo, me arrumei só pra você.

E ele tinha reservado um jantar lindo, no restaurante mais fino de Los Angeles.

A mesa dava para uma fonte cheia de flores e velas, então falei:

- Nossa Bruno, que lindo, tudo isso por minha causa?

-Por você eu faço tudo e mais um pouco Anna.

- Own, que lindo bebê – e o beijei.

E jantamos, ele falou sobre os novos shows que ele vai fazer e das palhaçadas de Phil e do pessoal todo, e eu falei sobre o estúdio.

Quando Bruno se levantou da mesa e pegou minha mão e falou:

- Anna quer dançar comigo?

- Hã? Como assim?

- Vem cá, vou te mostrar.

E ele me levou para um jardim lindo cheio de pétalas no caminho e um lugar cheio de luzinhas, eu achei a coisa mais fofa do mundo e Bruno me levou até o centro do jardim e uma música começou a tocar, bem lenta, e romântica e ele falou:

- Eu disse que faço muito mais por você, minha princesa, dança comigo?

- Claro você é muito romântico mesmo hein, desse jeito eu me derreto toda.

Então Bruno pegou a minha cintura e chegou bem perto dele e sussurrou no meu ouvido:

-Essa é a intenção.

E começamos a dançar ali, e eu pensando: Estou completamente realizada, esse homem é de verdade um sonho.

Depois a música parou e ficamos ali juntinhos e ele sussurrando coisas lindas sobre mim e me beijava, fomos para casa e quando chego à porta da sua casa ele me pega no colo e me leva correndo pro quarto e me joga na cama,ele começou a me beijar, do pescoço até a boca,e começamos a nos amar, foi maravilhoso o jeito em que seu corpo era totalmente confortável em cima do meu. A noite só foi mil maravilhas e muito amor.

Posted on June/13/2012
( | ) Reblog this


Terceiro Capítulo - Amor à flor da pele 

Chegamos ao restaurante, e em uma mesa enorme estava o pessoal.

Quando Phil viu o Bruno falou: E aê TAMPINHAAA!

Bruno o abraçou e esfregou sua cabeça brincando, e todos olharam para mim e Bruno falou:

- Ah desculpe-me Anna, tinha me esquecido de você. Bom, pessoal essa é a nova assistente de som lá na Elektra, seu nome é Anna Paula e ela veio do Brasil.

Os meninos me abraçaram e começamos a conversar, Phil contava as historias das turnês deles e eu não parava de rir, principalmente com aquele jeitinho que só o Phil tem.

Ryan comentou:

- Agora eu sei que no Brasil tem as mulheres mais sensuais do mundo – e piscou pra mim.

Eu comecei a falar da minha vida pra eles, de como eu tinha chegado lá em L.A e eles ficaram perguntando sobre o Brasil, minha família. Eram muito fofos comigo.

Já eram duas horas da madrugada e estava cansada demais e pedi pro Bruno me levar em casa, nós nos despedimos de toda a galera e fomos.

Quando cheguei à porta da minha casa fui beijar o rosto do Bruno e agradecer mas senti ficar fraca e desmaiei ,Bruno ficou totalmente desesperado e me levou ao hospital , entrei na emergência e já me colocaram em uma maca.

De manhã acordei no hospital, quando olhei para o lado era Bruno dormindo na cadeira, aquilo sim era um homem de verdade, e ele todo bagunçado, com o chapéu em cima da cara por causa da claridade era a coisa mais simples e linda que eu vi em toda a minha vida.

Meu quarto estava cheio de balões e ursinhos, sabia que era os meninos, sempre atenciosos.

Bruno acordou feito um urso e eu comecei a rir e ele todo sonolento disse:

-Ah para, eu estou parecendo um mostro, olho o estado do meu cabelo, tá parecendo o Bob Marley.

-(risos) Que isso, você fica tão lindo de cabelo desarrumado, fica sexy. – e mandei um olhar bem TE QUIERO.

Ele me olhou e deu sorrisinho de leve, depois o doutor chegou e me deu alta, mas era para ficar de repouso, tomando bastante água. Logo fiquei preocupada, e o meu trabalho?Comecei a ficar nervosa e falei pro Bruno:

- Como de repousou? Eu tenho que trabalhar, preciso fazer minhas coisas!

- Calma Senhora Nervosinha, já ajeitei tudo, a Kelly já fez uma bolsa com o que você precisa e você vai lá pra casa e ponto final.

Não tive escolhas e fui. A casa dele era perfeita, brinquei com Geronimo e fui descansar na sala, mas bruno me puxou no colo e falou:

- Nada disso, você vai pro quarto!

- Agora virou meu pai e babá, vê se pode! Por que tanta preocupação comigo?

- Porque eu me importo com você, algum problema? Você foi diferente de todas as meninas que eu conheci você é linda, fofa, companheira, brincalhona e sei lá eu vejo um brilho no seu olhar que me deixa louco. Olha, eu só quero que você fique bem, eu não gosto de ver pessoas mal.

Quase caiu uma lágrima do meu olho, mas segurei e fui, ele me levou até a sua cama e eu deitei, comecei a gemer de dor e Bruno perguntou:

- O que houve Anna?

- Dor na lombar, tá muito forte.

Ele subiu u pouco a minha camiseta e começou a fazer massagem e suas mãos eram tão fofas e macias. Estava quase fechando os olhos, ele deitou do meu lado e colocou sua mão na minha cintura e nós nos beijamos. Foi um beijo doce e lento. E ali nós começamos a nos amar, ele beijava meu pescoço e mordia meus lábios.

Posted on June/5/2012
( | ) Reblog this

eterna-jovem-britanica:
divorciadaaaaaaaaaaaaa ok? meu amor s2s2

divorciadaaaaaaaaaaa. kkkkkkkkkkkk

Loye you s2s2

Posted on June/5/2012
( | ) Reblog this

Segundo capítulo - se conhecendo melhor  

Bruno me guiou a todos os corredores daquele estúdio e me explicava cada equipamento, sala, e etc. Era tão fofinho falando quando conheceu a Elektra (como se eu não soubesse).

Eu estava ainda em estado de choque, viajei para uma cidade fantástica, consegui o emprego que eu sempre sonhava e o homem que eu amava. Até que mergulhada em pensamentos nem senti Bruno indo embora, até que ele falou:

- Você não vai vir?

- Sim, só um instante – peguei meus papeis e minha bolsa e fui para a porta aonde ele estava

- Quer ir jantar comigo? – Aquela pergunta mexeu comigo totalmente, imagine, o homem que você sempre admirou e sonhou te pedindo para jantar com ele? Ai meu Deus, quase desmaio.

- Sim, mas aonde?

- A galera vai num restaurante aqui perto mesmo, a comida de lá é excelente e você aproveita e conhece mais a cidade.

- Galera?

- É Anna, o pessoal da minha banda, já está todo mundo lá, quer ir?- E deu aquele sorriso que apareceu suas covinhas

- Claro!Mas antes eu tenho que ir a minha casa para trocar de roupa.

- Tudo bem, eu te levo lá.

- Que isso Bruno, eu vou sozinha.

- Obvio que não, pode entrando no carro, isso é um sequestro – e nós começamos a rir.

E fui com ele, eu não parava de rir das caras que ele fazia imitando o pessoal da banda.

E chegamos a minha casa e ele foi direto e deitou e pegou o controle da Tv e eu disse:

- Uau, me conheceu há quase 4 horas e já está deitado no um sofá, é você é bem rapidinho hein.

- Também sou rapidinho em outras coisas se você quiser- e Bruno me comeu totalmente com os olhos e no final deu uma mordida na boca

Fui direto pro meu quarto depois daquela cena, aquilo era um sonho pra mim!

Arrumei-me toda pra ele, coloquei um vestido de renda azul celeste que realçava as curvas do meu corpo e a minha pele morena, botei um perfume bem marcante e um batom rosa e uma sapatilha preta. Soltei meus cabelos e fui à guerra.

Bruno quase caiu do sofá quando me viu, e não parava de me olhar, peguei minha bolsa e falei:

- Então vamos?

- Sim, Anna com todo respeito, mas você está uma delícia com esse vestido. – e deu um olhar de SAFADIIINHO

Eu ri e abri a porta e fomos para o carro, lá ele não parava de olhar para minhas pernas. E eu perguntei:

- Você é meio tarado ou só está querendo tirar marra com a minha cara?

- Hahaha, não, sou tarado mesmo e adoro uma brasileira.

Virei à cara e fiquei olhando a cidade. Ele sentiu que falou merda.

E falou:

- Desculpa Anna, é que eu não consigo me controlar… Quer dizer… Consigo, mas sei lá eu senti algo por você…

- Como assim Bruno?

- Deixa pra lá, já chegamos no restaurante.

Posted on June/4/2012
( | ) Reblog this

Primeiro capítulo - Quando tudo começou … 

Bom, meu nome é Anna Paula, tenho 21 anos e sou carioca. Desde pequena sonhava em ser estudar música ou ser dançarina, estudei a minha vida toda para isso.

Entrei em uma faculdade perfeita, com professores perfeitos e a coisa que eu amo fazer: cantar! Claro, não é fácil conseguir um bom trabalho no ramo da música, mas eu sempre tive fé em Deus que um dia eu iria ser famosa.

Num dia, em minha faculdade, teve um projeto cultural com parceria da Elektra Records em achar novos talentos no Brasil e quem ganhasse ganhava o estágio em Los Angeles lá. Eu sentia que eu iria ganhar, eu me preparei a minha vida inteira a essa oportunidade e ia dar o melhor para conseguir.

Os professores indicaram 10 pessoas com maior talento para o concurso e lá os jurados escolheriam quem seria o sortudo (a). E eu fui escolhida.

Estava muito nervosa, e só pensava o duro que dei para chegar nesse lugar, e que Deus com certeza me ajudaria, entrei no palco e encontrei a música perfeita para o meu tom de voz: Just The Way You Are do Bruno Mars, no qual eu sou muito fã e claro, HOOLIGAN. 

Recebi muitos aplausos da plateia e os jurados gostaram muito da minha voz .

E foi chegando a hora da decisão, estava muito mais que nervosa, eu estava com um ursinho de pelúcia e uma camisa do Bruno M. e orando muito.

Quando vi o envelope com o nome do escolhido senti meu corpo tremer por completo, minha boca seca, meu coração indo a quase mil por hora. Até que o presidente da Elektra abriu o envelope e chamou os participantes no palco, fez um mistério olhou bem no fundo dos meus olhos e falou: ANNA PAULA VOCÊ É A ESCOLHIDA! Eu caio de joelhos no chão e comecei a chorar, minha família me abraçou, todos estavam emocionados.

Então no dia seguinte tirei meu passaporte e comecei a arrumar minha mala, minha mãe não parava de chorar e falava: 

- Filha, eu vou sentir muito sua falta, mas eu sei que é esse o seu sonho e eu desejo tudo de bom pra você. Promete que nunca vai me esquecer?

Abracei mamãe e falei em seu ouvido:

- Nunca. A senhora vai estar sempre eu meu coração.

Ela me agarrou forte e nós choramos bastante. 

Dormi cedo, e sonhei muito como seria L.A.

De madrugada acordei arrumei as malas e tomei um café bem forte e meus pais também, meu pai pegou minhas malas e colocou no carro e fomos para o aeroporto onde o pessoal da Elektra estava me esperando, me despedi de meus pais e entrei no avião. Sabia de algum modo, que lá em L.A minha vida iria mudar completamente.

Chegando lá, fui para minha nova casa: linda, espaçosa e com um sofá gigante, parecia que estava sonhando ou algo parecido .

Então Kelly, minha produtora falou: Seja bem vinda querida, agora vamos tomar um banho e trocar de banho para você conhecer direito o estúdio.

Fui lá, e parecia um lugar mágico, nunca vi tanto equipamentos na minha vida, assinei o contrato com o diretor e ele me falou:

- Bom Anna, já que a música que você cantou foi do Bruno, acho que você vai ter uma surpresa .

Quando eu olhei para trás vi aquele baixinho de blusa quadriculada e com o sorriso mais lindo do mundo eu paralisei.

Bruno me deu um abraço e um beijo e me arrepiei toda e ele falou:

- Nossa você é brasileira? Eu amo o Brasil, lá é muito bom, têm praias lindas, gente legal e comidas deliciosas! – e olhou bem no fundo de meus olhos.

Então diretor falou:

- Bruno, leve a Anna Paula para conhecer o estúdio, pois vou viajar agora com a minha esposa, adeus. E foi ótimo fazer negócios com você, Anna – E piscou para mim. 

Posted on June/4/2012
( | ) Reblog this


Aí a bitch da escola me diz que já ficou com muitos meninos. 

esquema-no-cinema:

image


1 de 193 1 2 3 4 5 6 »